Momentos Esquecidos – 2

Boas pessoal!

Espero que se encontrem bem de saúde, porque psicologicamente devem estar assim tipo como eu, passados do rodízio, isto tem sido um jogo psicológico que mais se assemelha a uma tortura, enfim…

Resolvi remexer o fundo do baú mais um pouco a ver se encontrava aqui qualquer coisa que servisse para fazer um post de brincadeira e ao mesmo tempo entreter-me um bocado no fim-de-semana de Páscoa com muito pouca liberdade, juntei algumas fotos ligadas à pesca e vou tentar falar um pouco sobre elas…

A minha paixão pela pesca nesta zona despertou-me interesse desde sempre, ao longo dos anos a minha curiosidade moveu-me a explorar muitos kms desta costa a pé e de carro, percorrendo falésias, laredos, miradouros, praias, caminhos, trilhos, aceiros e sabe-se lá mais o quê, posso dizer que não existe um palmo de orla marítima por onde eu ainda não tenha passado nesta zona…

Por volta do ano de 2002 tinha muito o hábito de pescar em falésias, as espécies alvo eram: besugos, bicas, douradas, safias, choupas, parguetes, fanecas, etc… Volta e meia fazia umas mistas bem bonitas e fartas, mas outras vezes também levava uns bons barretes com dois ou três peixinhos apenas e às vezes nem isso, hahaha…

Um cantinho especial (porto da baleeira) há quem diga que esta terra é a minha segunda casa…


O verão de 2003 foi inesquecível, pelos bons e pelos maus motivos, nesta altura as falésias eram livres…

O infinito Mar tem qualquer coisa de extraordinário…

Esta foto foi tirada num spot que descobri há uns bons anos, com um acesso difícil de carro até ao topo mas com um aceiro fácil e brutal até ao pesqueiro, nunca cheguei a pescar por lá mas um dia vai acontecer, é a tal situação, não dá para ir a todas…

 

Em 2004 muitas douradas eu tirei neste pesqueiro, não eram grandes mas eram muitas e de boa bitola, na altura tirava fotos a tudo menos ao peixe e quando tirava era de qualquer maneira, imaginava lá eu que um dia iria ter um blog de pesca… 

Capelinha

Alguém a tentar a sorte…

2009 também foi um ano de extremos e mudanças, um ano de perdas importantes e de conquistas interessantes, com momentos bons e maus, com decisões difíceis mas acertadas…

Entretanto no meio de tanto gelo ali no fundo da arca lá encontrei estas três postinhas de peixe para trincar ao jantar, um gajo tem de comer alguma coisa, atão… 😊


 Protecção do Planeta

Não é de agora que se fala em proteger e proteger, reduzir e reduzir, fiscalizar e fiscalizar, no entanto as acções feitas para o efeito não me parecem as mais acertadas, mas o excesso de evolução e as mentalidades exageradas continuam a querer mais e mais, ou seja; continuam a querer dar um passo maior do que a perna, querem aquilo que não precisam e gastam o que se podia evitar gastar, pensei que tivessem aprendido a ser mais humildes e simples com o raio da pandemia mas parece que ainda não foi desta.

Pessoal muita saúde e tudo de bom para vocês, força aí…

 

— ATENCIÓN: El artículo pertenece al BLOG de «Lobo do Mar» —


Deja una respuesta

Su dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados *

Puedes usar estos HTML etiquetas y atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

info@donpesca.com