A Hora mudou e o Lobo atacou

“Surfcasting”
Pois é pessoal, com a mudança da hora achei que podia enganar algum Robalo, como os gajos não sabem que a hora muda e não têm relógio fui 1 hora mais cedo a ver se enganava algum 😂 (brincadeira claro)
Bem, neste dia desafiando toda a lógica fui para o spot onde tinha menos esperança, de vez em quando gosto de fazer umas investidas assim, por vezes até corre bem, outras nem por isso.

Não posso dizer que correu às mil maravilhas mas também já tive jornadas bem piores. O limo marcou alguma presença e acho que este Inverno me vai gorar algumas jornadas, vamos esperar para ver, mas o que me chateou mesmo foi o facto das chumbadas estarem a arear, logo no primeiro lançamento a pesca areou de tal maneira que não a consegui tirar, não estava à espera de tal situação e deixei a cana tempo demais a pescar, quando fui recuperar a chumbada recusou-se a sair e foi até partir claro, milagres só em “Fátima” e mesmo assim já não é o que era…
Pensava também que ia ficar por ali sozinho e tranquilo quando chegam dois pescadores “Olha afinal temos festa” disse eu em voz alta falando sozinho, o que me valeu foi um bico de pedra que estava ali perto e fez com que ficassem um pouco afastados, serviu de fronteira…
Depois de nova montagem feita, chicote e aquelas coisas todas voltei ao trabalho e daí em diante tive de estar alerta para evitar que as pescas areassem ou então arriscava-me a passar aquele tempo que tinha em mente para pescar a fazer novas montagens e a perder material. Ainda pensei em rumar a outro spot mas depois de dar tantas voltas à ideia resolvi ficar por ali mesmo.

Não tive descanso devido ao limo e ao “arear” das chumbadas e chegou a uma altura que já estava exausto, pois na pesca não se gasta só energia física como também mental. Já levava um bom par de horas a pescar quando os meus vizinhos abandonaram o local e bazaram, talvez pelo facto do mar estar a arear e de haver pouca actividade, foi neste instante que eu vejo uma das canas a bater e lá me saiu este Robalo já bonzito para enganar mais uma vez o fantasma do chibo que está sempre presente, fiquei satisfeito, guardei o menino dentro da saca e continuei a pescar numa noite que estava bastante húmida mas amena.

Ainda insisti mais algum tempo mas a única coisa que tirei foi uma baila e um pregado que foram ambos devolvidos, acho que nem medida tinham sequer.

Pescar aqui proporciona-me momentos e experiências que me fazem viajar para longe do materialismo e interesses que me sufocam diariamente onde vivo.

Os odores emitidos pela Natureza e envolventes são como uma terapia para mim.

Bom mas agora falando de coisas sérias, um dia destes o amigo João Santana desafiou-me para irmos petiscar qualquer coisa e beber uns jarros de vinho, como estava livre não recusei e convidei também o Cristóvão (Mata Chibos) para se juntar a nós, fizemos mais uma boa pesca sentados à mesa a dar ao dente e entre outras coisas a falar de “pexe”.

Um gajo tem de comer alguma coisa 😋

Mais uma apanha de lixo trazido pelo mar.
Ao longo dos últimos anos tenho lutado bastante para manter os meus spots favoritos minimamente limpos, junto ao mar é complicado, é como remar contra a corrente porque o mar está constantemente a trazer lixo, já no cimo das falésias tal como nos aceiros e trilhos a coisa é diferente, o lixo que apanhei nos últimos anos, algum que certamente lá morava há mais de vinte anos, sítios que com quase toda a certeza nunca tinham sido limpos, por aqui a coisa até se tem mantido minimamente aceitável embora haja sempre vestígios de que tenha passado por ali algum Atrasado Mental.

Por hoje é tudo pessoal.
Já agora desejo um bom dia do Homem para todos (dia do Homem = dia de todos os Santos)
Saúde e força aí.

— ATENCIÓN: El artículo pertenece al BLOG de «Lobo do Mar» —


Deja una respuesta

Su dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados *

Puedes usar estos HTML etiquetas y atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

info@donpesca.com